início do conteúdo

3º JIFMT: A prática esportiva como instrumento de formação e interação social

Publicado por: Campus São Vicente / 17 de Junho de 2016 às 12:33

O 3º Jogos do Instituto Federal de Mato Grosso (JIFMT), realizado em Tangará da Serra, se encerra após cinco dias de intensas atividades e com mais de 1000 atletas participantes. Entre vitórias e derrotas, entre alegrias e tristezas, entre medalhas e contusões, o saldo foi a interação social entre as equipes dos 19 campi participantes.

O esporte tem também um papel educativo e formativo, capaz de unir as pessoas objetivando a sociabilização e construção de valores morais e éticos. Com as suas regras e hierarquias, o esporte auxilia na formação do cidadão e na organização da sociedade, reforçando, assim, o conceito de senso coletivo e de respeito.

Para o professor Dr. Lívio dos Santos Wogel, o desenvolvimento de práticas esportivas é extremamente importante, pois forma o ser humano não só para as atividades físicas, mas a formação lúdica, cooperativa, o desenvolvimento moral, assim como trabalha as emoções e o pensamento estratégico, além da disciplina.

“Há um equívoco em pensar que o desenvolvimento do aprendizado só aconteça em atividades que privilegiam o exercício do intelecto, das operações lógicas e a aquisição de teorias e não a formação da pessoa humana como um todo”, explica.

Tendo como exemplo o Câmpus São Vicente, que tem internato, a presença das atividades esportivas é fundamental. Além de ser uma instituição de ensino, “é espaço de convivência, de construção de amizades, de formação de valores e de desenvolvimento humano, e o esporte é importantíssimo para promover essas competências pessoais e sociais”, destaca o professor.

As pessoas têm necessidade de conviver de forma harmoniosa e comunitária, e o esporte tem esta proposta de promover a integração e também o sentimento de pertencimento dos jovens aos seus grupos, times, equipes.

O pedagoga Sílvia Diamantino Ferreira de Lima relembra que “o ser humano tem uma natureza lúdica, e o esporte é um tempo de prazer aliado ao conhecimento do corpo e das regras, além de criar momentos de aprendizado em outras ciências como matemática, física, linguagem, química, entre outras”.

Para ela, o esporte não pode ser visto como uma forma de ocupação, a fim de tirar a ociosidade, mas dar um sentido de prazer e interação. “A prática esportiva é a promoção da cultura do corpo e da mente”, diz.

O esporte é, sim, um instrumento educacional que objetiva o desenvolvimento integral das crianças, adolescentes e jovens, desenvolve competências do indivíduo para lidar com suas necessidades, desejos e expectativas, essenciais para o seu processo de desenvolvimento individual e social.

A prática esportiva como recurso pedagógico precisa se integrar cada vez mais às finalidades gerais da educação, de desenvolvimento das individualidades, de formação para a cidadania e de orientação para a prática social.

Sérgio Thompson - Ascom - Campus São Vicente

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - Campus Pontes e Lacerda

Rodovia MT-473, s/n - CEP: 78250-000

Telefones: (65) 3266-8200 - (65) 3266-8241

Pontes e Lacerda/MT